Obrigada.

Bem vindo(a)! Que você seja edificado(a) com as mensagens! Volte sempre!

quinta-feira, 18 de maio de 2017

RODEANDO A TERRA DA PROMESSA

Resultado de imagem para homem peregrino

Pela fé Abraão, quando chamado, obedeceu e dirigiu-se a um lugar que mais tarde receberia como herança, embora não soubesse para onde estava indo.Hebreus 11.8

Você despreza a sua terra e a sua herança quando não tem forças ou motivação para pagar o preço do presente para receber aquilo que está no futuro. Todas as vezes que você desanima diante de um problema no presente está desprezando a terra da promessa no seu futuro, ou , no mínimo, atrasando-o.

Deus prepara o lugar para lhe receber e depois leva você a este lugar. Tudo o que você necessita brotará no solo onde Deus lhe plantou. Seu crescimento espiritual e material, sua saúde, sua felicidade, seu cônjuge, o nível superior, a prosperidade, a casa própria, entre outras coisas, estão todos no território onde Deus governa. Permaneça onde Deus lhe colocou, onde lhe estabeleceu, pois é desta terra que Ele fará brotar tudo o que você precisa.

Abraão não tomou atalhos, nem geográficos, nem espirituais. Ele foi guiado por Deus a cada passo e, mesmo sem saber, já estava rodeando a Terra Prometida, a qual mais tarde seria dele e de seus descendentes.

Não saia da rota que Deus estabeleceu para você, pois ali estarão todas as pessoas e todas as situações que você precisa para o seu sucesso!

Suporte o tempo da espera com perseverança. Aguente as dores e dificuldades do presente pela fé no futuro que Deus já lhe preparou!

Em todos os momentos, permaneça debaixo da orientação do Senhor. Ouça as Suas instruções e siga-as!


“Embora o Senhor lhe dê o pão da adversidade e a água da aflição, o seu mestre não se esconderá mais; com seus próprios olhos você O verá. Quer você se volte para a direita quer para a esquerda, uma voz atrás de você lhe dirá: "Este é o caminho; siga-o". Isaías 30.20,21.

 

Pense nisso!

Gostou? Deixe um comentário!
Conheça meus blogs e páginas no Facebook.
http://prraquelroque15.wixsite.com/meusite

LEIA A BÍBLIA!

sábado, 6 de maio de 2017

AGUENTE FIRME!

Resultado de imagem para jesus clama a deus na cruz do calvario

Disse Jesus: “Pai, Eu te glorifiquei na terra, completando a obra que me deste para fazer.” João 17.4.

É triste vermos os cristãos de hoje negando a fé por qualquer coisa. Por leves momentos de dificuldades, eles renegam a fé e abandonam sua missão e propósito no mundo. Observe que Jesus glorificou o Pai completando Sua missão cabalmente, com compromisso e fidelidade. E lembre-se de que a obra que o Pai lhe deu não foi sempre boa e agradável. Aliás, teve seus piores momentos no final. Mas Jesus manteve-se firme e comprometido até completá-la. Ele permaneceu resiliente e comprometido, tanto nas horas alegres, como nas curas, na exposição de Seus ensinos e sermões, no discipulado pessoal com os apóstolos, como também nas horas difíceis de rejeição, traição, frustração, dor, cruz e morte. Não deveríamos seguir o Seu exemplo e nos manter comprometidos até o fim?!
A Bíblia diz:
"E não vos conformeis com este século. Mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual é a boa, agradável e perfeita vontade de Deus."
Quando temos plena convicção de que a vontade de Deus tem essas três qualidades, independentemente se é 'boa, perfeita e agradável' aos nossos olhos e nossa lógica humana e falha, nos tornamos também resilientes, pois entendemos que qualquer que seja Sua santa vontade, ela beneficia a nós mesmos e a muitos. Sendo assim, negar a nós mesmos e carregar a nossa cruz torna-se aceitável. Quando renovamos nossa mente, passamos a crer assim, então, pagamos qualquer preço, negamos a nós mesmos e enfrentamos firmemente a todos os obstáculos e sofrimentos para permanecer cumprindo a vontade do Pai até o fim! Isso é uma questão de fé! E Fé que agrada a Deus, como a de Jesus.
A boa notícia é que, quando você está no centro da vontade de Deus, a dor, o sofrimento e as dificuldades têm um sentido, um propósito e, principalmente, um final feliz, como aconteceu com Jesus em Sua ressurreição e glorificação ao lado do Pai.
Sendo assim, certifique-se de estar no centro da vontade do Pai, e mantenha-se firme! Renove sua mente na Palavra de Deus e glorifique o Pai completando fielmente a obra que Ele lhe deu. Leve-a até o fim!
Aguente firme! Deus tem um final feliz para todos que O servem com fidelidade.

Pense nisso!

Gostou? Deixe seu comentário! Ele émuito importante pra mim. Obrigada.
Conheça também meus blogs, páginas no Facebook e meu site. Será um prazer receber sua visita!
http://prraquelroque15.wixsite.com/meusite
   LEIA A BÍBLIA!   


terça-feira, 2 de maio de 2017

CARTA À MINHA IGREJA

Imagem relacionada

“E consideremo-nos uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e às boas obras,...” Hebreus 10:24

Por causa de enfermidades tenho me ausentado de minha igreja por alguns dias, e meus irmãos sempre arrumam diversas formas para alegrar e abençoar minha vida. Agradeço às demonstrações de amor e carinho, e, mesmo de longe, eu as recebo com muito amor e gratidão. Isso é maravilhoso demais para mim! Não creio que eu o mereça, mas vejo como uma graça de Deus, porque a gente nunca merece a graça. Reconheço o amor de Deus sendo derramado sobre mim através de cada um destes irmãos que me saúdam, me encorajam, me estimulam em amor e oram por mim. Por isso lhes escrevi a
carta que segue abaixo, e decidi postá-la porque pode edificar também a outros que se encontram em situação semelhante.

[...] precisamos aprender juntos o que significa estar no centro da vontade de Deus.
Não é fácil para eu estar parada, inerte, não envolvida. Preciso aprender a sossegar a minha alma, porque amo realizar as coisas para Deus. Talvez eu precise de mais fé para passar de longe do que para estar ativa. Estou aprendo a cada dia que sou apenas instrumento. Uma faca não se aborrece quando o cozinheiro usa outras facas. Uma guitarra não se entristece quando o músico usa outro instrumento. Nas mãos de Deus, a “comida” será sempre boa, e a “música” será sempre perfeita. Isso independe dos talheres ou dos instrumentos usados, mas das mãos perfeitas do Senhor. Quando Deus quer, Ele lança mão de mim e me usa, para a glória Dele. Quando não ‘me’ quer, Ele lança mão de outros para a Sua glória. Tudo é para a glória Dele e não nossa! Alguns podem até pensar que é o diabo que me ataca, ou me impede. Eu não entendo assim, nem vejo isso na Bíblia. Satanás não tem poder para me atacar ou me parar se Deus não permitir isso. E, se Deus permite, então não é obra do diabo, mas de Deus. Além disso, doença é coisa de ser humano. Não vamos demonizar as coisas. Só estaremos livres disso no céu. Enquanto estamos aqui, doenças, perdas, morte e tristeza fazem parte desta vida. Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por Aquele que nos amou. Porque estou certa de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor.” Romanos 8.37-39.
Estou aprendendo ainda, mas tento alegrar-me quando outros estão em ação... e eu não. A vontade de Deus nem sempre coincide com a minha, mas devo alegrar-me por Sua vontade. Até Jesus esteve calado e não agiu em certos momentos. Por exemplo, diante de Herodes, Ele nem abriu a boca, porque essa era a vontade do Pai. Eu oro para estar sempre no centro da vontade do Pai, mesmo quando isso não é agradável ou lógico para mim. Tenho me esforçado para aprender isso e quero dizer como o apóstolo Paulo: Sei estar abatida, e sei também ter abundância; em toda a maneira, e em todas as coisas estou ‘sendo’ instruída,...Sei pregar e ensinar, mas também sei estar calada...’ Posso todas as coisas Naquele que me fortalece!” (Filipenses 4.12,13 - paráfrase minha).
Sendo assim, alegro-me quando estou com vocês, mas também quando não estou. Graças a Deus que Ele não depende de mim! Eu é que dependo Dele! Nós é que dependemos Dele! Ele é a figura principal. A obra é Dele e a glória é Dele! Portanto, não deixem de orar por mim, pois preciso de saúde para servi-lo. Porém, alegrem-se comigo, para que, estando eu longe ou perto, agindo ou não, falando ou calada, o Senhor seja glorificado em minha vida.
“Porque Dele e por Ele, e para Ele, são todas as coisas; glória, pois, a Ele eternamente. Amém. Romanos 11.36.
Muito obrigada a todos e que Deus os abençoe abundantemente.
Prª Raquel Roque.

Pense nisso!

Espero que tenha gostado. E, se gostou, deixe um comentário. Isso é importante para mim. Obrigada.


sexta-feira, 21 de abril de 2017

PÃO VELHO

Resultado de imagem para PÃO VELHO

Era um fim de tarde de sábado. Eu estava molhando o jardim da minha casa, quando vi um menino parado junto ao portão,  me olhando.
- Dona, tem pão velho? - perguntou ele.
Essa coisa de pedir pão velho sempre me incomodou...
Olhei para aquele menino tão nostálgico e perguntei:
- Onde você mora?
- Depois do zoológico, disse ele.
- Bem longe, hein?!
- É... mas eu tenho que pedir as coisas para comer.
- Você está na escola?
- Não. Minha mãe não pode comprar material.
- Seu pai mora com vocês?
- Ele se foi e nunca mais voltou...
E o papo prosseguiu, até que eu disse:
- Vou buscar o pão. Serve pão novo?
- Não precisa, não. A senhora já conversou comigo, isso é suficiente.
Esta resposta caiu em mim como um raio. Tive a sensação de ter absorvido toda a solidão e a falta de amor daquela criança. Tão nova e já sem sonhos, sem brinquedos, sem comida, sem escola e tão necessitada de um papo, de uma conversa amiga.
Quantas lições podemos tirar desta resposta:
"Não precisa, não. A senhora já conversou comigo, isso é suficiente!"
Que poder mágico tem o gesto de falar e ouvir com amor!
Os anos se passaram e continuam pedindo “pão velho" na minha casa... E eu dando "pão novo", mas procurando antes compartilhar o pão das pequenas conversas, o pão dos gestos que acolhem e promovem.
Este 'pão de amor' não fica velho, porque é fabricado no coração de quem acredita por Aquele que disse: “Eu sou o pão da vida!”

Verifique quantas pessoas talvez estejam esperando  uma só palavra sua...

Pense nisso!

Encontrei o texto abaixo no WhatsApp. Não conheço a autoria. Mas achei-o tão especial e rico que ficou impossível não postar. Espero que tenha edificado sua vida.
Se gostou, deixe seu comentário e conheça também...
http://prraquelroque15.wixsite.com/meusite
LEIA A BÍBLIA!

segunda-feira, 17 de abril de 2017

UNÇÃO DE CRIATIVIDADE

Resultado de imagem para unção de criatividade

“Toda boa dádiva e todo dom perfeito são lá do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não pode existir variação ou sombra de mudança.” Tiago 1.17

O Deus que nos chama é o mesmo que nos capacita. Ele derrama sobre aqueles a quem escolhe uma unção específica para o serviço para o qual os chama. Você pode escolher andar e servir de acordo com a vontade de Deus, ou caminhar na sua própria força e capacidade, mas sem o poder de Deus não produzirá frutos espirituais.
Disse Jesus: “Eu sou a videira; vocês são os ramos. Se alguém permanecer em Mim e Eu nele, esse dá muito fruto; pois sem mim vocês não podem fazer coisa alguma.” João 15.5. Separado de Jesus você é um ramo morto, sem vida, e não pode produzir frutos para Deus. Você precisa permanecer enxertado(a) Nele.  
Permanecer em Jesus é o segredo para produzir para Deus. É uma aliança de benção em que ambos estão comprometidos e unidos. Enquanto você produz frutos externos para Jesus, Ele produz o caráter Dele dentro de você. É uma troca em que você só leva vantagens. Além da seiva divina que gera vida, você também recebe  unção do Espírito Santo, estratégias e criatividade. Criatividade é a capacidade criadora, aptidão para formular ideias criadoras, originalidade, engenho, inventividade.
Existe o elo entre unção e criatividade. Deus é o criador de todas as coisas (Hb. 11.3), então, quando estamos enxertados em Jesus, recebendo a seiva Dele, recebemos Suas características, dentre elas a unção de criatividade. Nós damos o fruto que Ele deseja que produzamos, dentro do propósito para o qual Ele nos chamou.
Observe:
Bezaleel foi chamado e ungido para um serviço específico - “Disse mais o Senhor a Moisés: Eis que chamei pelo nome a Bezaleel, filho de Uri, filho de Hur, da tribo de Judá, e o enchi do Espírito de Deus, de habilidade, de inteligência e de conhecimento, em todo artifício, para elaborar desenhos e trabalhar em ouro, em prata, em bronze, para lapidação de pedras de engaste, para entalho de madeira, para toda sorte de lavores. Eis que lhe dei por companheiro Aoliabe, filho de Aisamaque, da tribo de Dã; e dei habilidade a todos os homens hábeis, para que me faça tudo o que tenho ordenado.” Êxodo. 35:1-6. A unção de Besaleel e Aoliabe era específica para ajudar Moisés a cumprir o propósito de Deus na construção do tabernáculo.
Davi foi chamado e ungido para serviços específicos como: ser rei, guerreiro, compositor e inventor de instrumentos - “Destes, havia vinte e quatro mil para superintenderem a obra da Casa do Senhor, ... e quatro mil para louvarem o Senhor com os instrumentos que Davi fez para esse mister. ” I Cr. 23.5
Quando você decidi se submeter ao propósito de Deus específico para sua vida e usar a unção de criatividade que Deus lhe deu, precisa também estar dispostos à: sair da sua zona de conforto, experimentar o novo, ter segurança naquilo que você faz, investir o seu tempo, estar pronto para errar e, principalmente, permanecer enxertado na Videira que é Cristo,... pois sem mim vocês não podem fazer coisa alguma.
Quando Deus nos chama, Ele mesmo provê as habilidades que precisamos para realizar o que nos propõe. Ele jamais lhe pedirá o que você não pode dar ou realizar. Mas você vai sempre precisar da Sua unção de criatividade em qualquer ministério.

Pense nisso!

Gostou? Deixe um comentário!
Conheça também meus blogs, páginas no Facebook e meu site. Será um prazer receber sua visita!
http://prraquelroque15.wixsite.com/meusite

   LEIA A BÍBLIA!   

terça-feira, 4 de abril de 2017

HERANÇA ESPIRITUAL

Resultado de imagem para O CHAMADO DE ELISEU



“Depois de terem passado, disse Elias a Eliseu: Pede o que te hei de fazer, antes que eu seja de ti arrebatado. Respondeu Eliseu: Peço-te que haja sobre mim uma porção dobrada do teu espírito." II Reis 2.9

Eliseu pediu porção dobrada do Espírito de Deus que estava em Elias, pois o tinha como referência de homem de Deus. Isso é complexo. Nós só podemos reconhecer um homem ou mulher de Deus andando com essa pessoa na sua intimidade. Quando você olha alguém pregando ou louvando a Deus no templo, está vendo apenas a pessoa desempenhando sua função, "vestida" com sua personalidade. Isso não é o suficiente para conhecer seu comprometimento com Deus. Quem pode fazer isso é sua família, pois conhece a pessoa "despida" de suas funções, sem máscaras. Mike Murdock diz que no templo você vê a pessoa com a unção; em casa, você vê a pessoa sem a unção.
O tempo que Eliseu esteve servindo a Elias serviu para ele perceber quem Elias era de verdade, com suas virtudes e defeitos (sim, porque Elias não tinha só virtudes, como eu e você).
Existe uma coisa chamada Herança Espiritual dentro de um relacionamento de longos anos. Significa que você acaba adquirindo as multifaces da personalidade e do espírito da pessoa com quem convive, e também a unção espiritual que está nela. Se você anda com uma pessoa, entra na atmosfera dela e, consequentemente, recebe o que ela tem. Isso exige muito cuidado, pois se ela está cheia de Deus, você pode ficar cheio de Deus, mas se estiver cheia de malignidade, você pode receber isso também. Por isso é importante que você seja seletivo com seus amigos, principalmente os mais íntimos, pois eles, querendo você ou não, influenciarão sua vida e seus hábitos, e poderão transformar sua personalidade, fazendo você ficar semelhante a eles em muitos aspectos.
A transferência se dá pela convivência, pelo relacionamento, pela intimidade e por servir à pessoa, como Eliseu servia a Elias. Então, escolha muito bem quem lhe dará a porção dobrada que você procura. Só depois então é que você pode entrar na atmosfera desse homem de Deus ou dessa mulher de Deus e receber sua herança espiritual.
Com quem você está andando? Essa pessoa pode ser seu espelho, seu modelo, sua fôrma? Qual a herança espiritual que você está recebendo dela? Você pediria porção dobrada da sua herança espiritual?
Estas perguntas também se direcionam a você. Quem está andando com você? Você tem uma herança espiritual para a vida dessa pessoa? Você é um bom exemplo? Você tem noção de que será seu espelho, seu modelo, sua fôrma? Isso é muito sério! Torne-se um bom exemplo de compromisso com Deus pra oferecer uma boa Herança Espiritual aos que se aproximam de você.

Pense nisso!

Deixe seu comentário e conheça também...
http://prraquelroque15.wixsite.com/meusite

LEIA A BÍBLIA!

sexta-feira, 24 de março de 2017

BENEFÍCIOS DA PROVAÇÃO

Imagem relacionada

“E te lembrarás de todo o caminho pelo qual o Senhor teu Deus tem te conduzido durante estes quarenta anos no deserto, a fim de te humilhar e te provar, para saber o que estava no teu coração, se guardarias ou não os seus mandamentos.”
(Deuteronômio 8.2)

Deus tem propósitos em tudo que Ele faz e naquilo que permite nos acontecer. O texto fala sobre o povo de Israel, que peregrinou no deserto por 40 anos. A peregrinação poderia durar 3 anos, mas durou 40 por causa da sua falta de fé deles. Quando estavam prestes a entrar na Terra Prometida - Canaã, Moisés enviou 12 homens  para espiar a terra. Ao regressarem, apenas dois deles, a saber, Josué e Calebe, deram boas notícias. Os outros 10 espias contaminaram todo o povo com sua falta de fé. Eles só viram as dificuldades daquela terra e disseram que seria impossível conquistá-la. Então o povo murmurou contra Deus. Por causa disso, Deus os fez peregrinar por 40 anos, a fim de que todos os murmuradores morressem e não entrassem em Canaã. Daquela geração só Josué e Calebe entraram na Terra Prometida, porque creram e declararam que podiam entrar.
Aquela provação no deserto foi pela falta de fé do povo. Isso aborreceu o Senhor. Da mesma forma, nós O aborrecemos quando não cremos que Ele é capaz de mudar a nossa sorte, e essa falta de fé alongam os dias da nossa provação. Ainda assim, vemos a misericórdia de Deus sobre Seu povo, como faz também conosco.
Deuteronômio 8.2, na versão NVI diz que Deus “...pô-los à prova, a fim de conhecer suas intenções, se iriam obedecer aos seus mandamentos ou não.(Deuteronômio 8.2)
É exatamente isso que Deus espera de nós toda vez que passamos por provações. E o que Deus quer? Observe comigo o versículo.

1º)     Deus quer nos lembrar que Ele mesmo nos conduz pelo caminho“E lembrarás de todo o caminho pelo qual o Senhor teu Deus tem te conduzido...” – Se você pertence a Deus, creia: Não é o diabo que leva você para o deserto das provações. É o próprio Deus! Como fez com Jesus – “Jesus, pois, cheio do Espírito Santo, voltou do Jordão; e foi levado pelo Espírito ao deserto,...” E Ele tem objetivos preciosos nisso! As provações vêm para nos melhorar, não para nos destruir!
Então, glorifique a Deus pelas provações e desertos da sua vida. Fique tranquilo(a)! Deus está no controle! Ele é quem lhe conduz!

2º)   Deus quer nos humilhar – “...a fim de te humilhar...” Não no sentido de nos abater ou degradar, mas no sentido de nos colocarmos no nosso lugar, que é de total dependência Dele. Sem Ele não podemos viver, mas, às vezes, nos esquecemos disso e nosso nariz se levanta. Achamos que somos importantes, maiorais, melhores que os outros ou dependentes de nós mesmos. Aí o Senhor se encarrega de nos por no nosso lugar através das provações.
Glorifique a Deus pelas provações, pois elas lhe põem no seu devido lugar e mostram sua total dependência Dele.

3º)   Deus quer conhecer suas intenções, o que está no seu coração - “...para saber o que estava no teu coração,...”  –As provações têm esta característica – expõem o que há em nosso íntimo, no coração. Expõem-nos para Deus ou para nós mesmos? A Bíblia diz que o Senhor já conhece o nosso coração, Ele vê cada intenção e pensamento. Então, a revelação é para nós nos conhecermos. A provação nos baixa a guarda, provoca o “momento desprevenido”, (como diz Richard Foster), isto é, quando você não está prestando atenção, o que está no seu coração vem à tona.
Glorifique a Deus pelas provações, pois elas revelam exatamente o que você tem por dentro. Isso pode ser muito útil, pois, percebendo seu coração, você pode fazer as mudanças necessárias.

4º)  Deus quer saber se somos mesmo fiéis a Ele – “...se guardarias ou não os seus mandamentos.” – Deus permite que as coisas fiquem difíceis para ver até onde vai nossa fé, se somos mesmo fiéis, ou se a nossa fidelidade a Ele depende das circunstâncias. Ele quer ver se somos ou não capazes de cumprir e viver segundo os Seus princípios mesmo nas provações. Quantos servos Seus O abandonaram por causa de dificuldades? Muitos louvam a Deus quando Ele abençoa e dá. Jó adorou a Deus quando Ele tirou. A diferença não está nas tribulações, mas na nossa atitude diante delas.
Glorifique a Deus pelas provações, pois elas lhe mostram que você pode manter-se fiel e cumprir os mandamentos divinos mesmo nas adversidades.

A boa notícia é que Deus não nos abandona durante o deserto, antes cuida de tudo, nos sustenta e nos garante a Terra Prometida no final. Você pode ver isso se ler todo o capítulo 8 de Deuteronômio.
Lembre-se: Deserto não é moradia, é passagem. Mesmo que demore, há um tempo determinado para acabar. A Terra Prometida, sim, é nossa morada final, se nos mantivermos fiéis e firmes, apesar das tribulações da vida.  

Pense nisso!

Conheça também...

http://prraquelroque15.wixsite.com/meusite